Blog da Redação do UOL Esporte

Arquivo : new york mets

Pai corre para buscar bolinha de beisebol e perde o filho
Comentários Comente

UOL Esporte

O jogo de beisebol entre o New York Mets e o Miami Marlins, realizado na última segunda, teve uma cena curiosa. A rebatida de um atleta dos Mets foi parar fora do campo.

Quando viu que poderia ficar com a bolinha, um pai largou o carrinho onde segurava o seu filho e foi ao encontro do esférico, sem sucesso.

Foi aí que, alertado por uma mulher que tem tudo para ser a sua esposa, ele se deu conta de que o carrinho com a criança poderia colidir com a parede e correu para evitar o pior a tempo.

Veja como foi a cena inusitada:


 


Jogador escala muro à la Homem-Aranha e consegue defesa espetacular em partida de beisebol; assista
Comentários Comente

UOL Esporte

O nome é Travis Snider, mas pode chamar de Homem-Aranha que ele atende. Pelo menos foi isso que o jogador do Pittsburgh Pirates mostrou na partida contra o New York Mets, quando literalmente escalou um muro para conseguir uma das defesas mais espetaculares da temporada.


Foto: AFP

Mike Baxter tinha acertado em cheio na bola e já começava a pensar em “home run” (bola rebatida além dos limites do campo) quando o rival aparece. Com uma velocidade impressionante, ele escalou o muro, fez a defesa e evitou a jogada perfeita dos Mets. Snider? Que nada. Spider é um nome mais propício para o jogador dos Pirates.

[uolmais type="video" ]http://mais.uol.com.br/view/13332247[/uolmais]


Torcedor tenta agarrar e leva bolada no peito em jogo de beisebol; assista
Comentários Comente

UOL Esporte


Foto: Reprodução de TV

Um torcedor tentou agarrar uma bola na partida entre Detroit Tigers e New York Mets, pela pré-temporada da MLB, e acabou levando a pelota no peito. Tudo bem que ele foi atrapalhado por um senhorzinho que passava por ali, possivelmente também interessado no souvenir, mas a bola veio em cima dele.

O erro foi tão grotesco que o próprio torcedor pediu para que os outros o vaiassem. Afinal, ao invés de levar a bola para casa, ele ganhou um hematoma.

[uolmais type="video" ]http://mais.uol.com.br/view/12593975[/uolmais]


Gato preto rouba a cena, invade gramado e assusta torcedores em jogo de beisebol; assista
Comentários Comente

UOL Interação


Foto: AP Photo/Lynne Sladky

Nada de “home runs”, “strikes outs” ou “fly balls”. A grande jogada da partida entre Florida Marlins e New York Mets, em Miami, teve como protagonista um gato. Um gato preto invasor.

Surgindo sabe-se lá de onde, o bichano apareceu na lateral do gramado e rapidamente saltou para as arquibancadas. Sinal de azar em muitas culturas, o gato preto parece ter assustado os torcedores: na foto acima, à esquerda, um garotinho fica com os olhos vidrados, enquanto a torcedora à direita reage de forma, no mínimo, inusitada.

O gato se escondeu em uma área de imprensa por ali, e não sabemos o destino do animal. Mas que ele foi o grande nome do jogo, não há dúvida!

[uolmais type="video" ]http://mais.uol.com.br/view/12049172[/uolmais]


“Soup Nazi” presenteia torcedor de beisebol com videogame
Comentários Comente

UOL Esporte

Crédito: Reprodução/Seinfeld

Na série Seinfeld, ele era mau humorado e, pelos motivos mais insignificantes, negava sopas aos clientes. Na vida real, entretanto, o Soup Nazi é simpático, presenteia torcedores com videogames e até sorri.

O fato aconteceu durante uma partida do New York Mets contra o Los Angeles Dodgers. Larry Thomas, o ator que intepretou o personagem no famoso seriado norte-americano esteve presente no jogo, vestido à caráter e distribuindo brindes aos fãs que acertarem perguntas sobre o programa Seinfeld. Obviamente, o ator teve que proferir as famosas palavras da personagem: “No soup for you!”.

[uolmais type="video" ]http://mais.uol.com.br/view/11352049[/uolmais]


Morte de Osama Bin Laden une torcidas rivais em patriotismo no beisebol
Comentários Comente

UOL Esporte

O anúncio da morte do terrorista saudita Osama Bin Laden pelos Estados Unidos na noite de domingo, uniu duas torcidas rivais durante a partida entre Philadelphia Phillies e New York Mets com gritos do nome do país e uma festa digna de um título conquistado na MLB.

Exibindo em celulares a notícia de que Bin Laden havia sido morto, os torcedores causaram comoção em alguns jogadores e no ex-técnico do New York Mets, Bobby Valentine, que comentou durante a transmissão pela rádio ESPN.

“Calafrios passaram pela cabine e pelo estádio. Foi um dia para ser lembrado”, afirmou o ex-treinador.

[uolmais type="video" ]http://mais.uol.com.br/view/11251579 [/uolmais]


< Anterior | Voltar à página inicial | Próximo>