Topo

Hooligan inglês abandona brigas e se prepara para cirurgia de mudança de sexo

UOL Esporte

04/01/2013 11h39

Crédito: Reprodução

Sua vida é, basicamente, se juntar a outros homens para bater em torcedores dos times adversários. Você se orgulha disso, e conta com prazer as histórias de violências. Porém, na verdade, tudo que você quer é conseguir assumir sua orientação sexual e virar uma mulher.

Estranho? Pode ser, mas real. Essa é a história de Burly Allen, um hooligan inglês de 32 anos, torcedor do Exeter City (time que enfrentou o Brasil no primeiro jogo da história da seleção).

"Eu costumava bater em pessoas. Eu ia aos jogos do Exeter e da seleção inglesa para brigar. Bater em suecos era muito divertido", afirmou ao jornal The Sun. "Mas, na verdade, eu lutava contra algo que eu queria ser. eu tentava me conformar em ser um homem e vivia uma vida infeliz", disse.

"Não estou orgulhoso do meu passado, mas isso passou e, agora, estou concentrado em modelar minha forma atual. Finalmente tenho a vida que sempre quis", completou. Explica-se: Allen começou a usar roupas femininas, deixou o cabelo crescer, terminou com a namorada (com a qual tem uma filha de 11 anos), está fazendo tratamento hormonal, terapia vocal para mudar a voz e, o principal – fará uma cirurgia de mudança de sexo em um futuro próximo.

Se todas as transformações na vida de Allen derem certo, ele abandonará a vida de hooligan definitivamente? É o que ele afirma, mas… "Espero voltar a ir em jogos da Inglaterra logo", afirmou. Será que, desta vez, se comportará como uma mulher?

Crédito: Reprodução

Sobre o blog

A equipe de jornalistas do UOL Esporte seleciona para você os fatos mais curiosos, os vídeos mais divertidos e tudo que viralizou nas redes sociais.

Blog da Redação