Blog da Redação

Se quicar, ele chuta: a língua afiada de Henry não perdoa ninguém

UOL Esporte

17/08/2017 06h00

Aos 40 anos, Henry também trabalha como assistente da seleção belga (AP)

Thierry Henry, a lenda do Arsenal e da seleção francesa, um dos atacantes mais letais de sua geração, está completando 40 anos nesta quinta-feira. Depois de ganhar tudo como jogador, ele se aposentou em 2014 para virar comentarista do canal britânico Sky Sports, e o desempenho na nova profissão dividiu opiniões. Mas seu jeito sincerão já causava polêmica muito antes disso…

“Brasileiros não estudam”

Lionel Cironneau/AP

Na Copa de 2006, Henry foi o autor do gol que eliminou o Brasil nas quartas de final. Dias antes, ele fez um comentário irônico sobre a habilidade dos brasileiros no futebol: “É difícil definir os jogadores do Brasil, pois eles já nascem com a bola nos pés. Quando eu era criança, precisava estudar das 7h às 17h. Pedia ao meu pai para jogar bola, e ele dizia que só depois de estudar. Já os brasileiros jogam futebol das 8h às 18h”.

 

Gol de mão

AFP

O gol que classificou a França para a Copa de 2010 (e eliminou a Irlanda) nasceu de uma jogada em que Henry dominou a bola com a mão antes de cruzar para o zagueiro Gallas marcar de cabeça. Depois do jogo, o atacante foi bem sincero: “Sim, houve mão, mas eu não sou o árbitro”.

 

Henry x Giroud

Reuters

Uma das principais vítimas de seus comentários ácidos na TV britânica foi o atacante francês Olivier Giroud, do Arsenal. Em 2015, depois que os Gunners ficaram sem chance de título no Inglês, ele disse: “Giroud está indo bem, mas você pode ganhar a liga com ele? Eu não acredito”. Depois, mudou o tom e falou que “nunca criticou Giroud, apenas disse que ele não podia ser a única opção do Arsenal”. Mas, na Copa de 2014, ele soltou uma gargalhada ao vivo na BBC quando Alan Shearer mencionou a lentidão de Giroud no jogo contra a Alemanha.

 

Henry x Özil

Getty Images

“Ele não tem vontade de entrar na área. Se você quer ser um dos melhores jogadores do mundo, não pode ser apenas o cara das assistências”, declarou Henry em 2015, ao comentar o desempenho do meia alemão Mesut Özil no Arsenal. “Contra times do topo da tabela, ele tem duas assistências e nenhum gol. Não é o suficiente. Desde que chegou ao Arsenal, fez 14 assistências. Fàbregas tem 16 assistências em uma só temporada”, comparou.

 

Henry x Wenger

Adrian Dennis/AFP

Depois que o Arsenal ficou com o vice no Campeonato Inglês em 2016, Henry criticou a política de transferências do técnico Arsène Wenger: “Dizem que o Arsenal é rico, que tem dinheiro e pode competir com qualquer um no mercado. Mas, quando a temporada começa, não consegue competir no mercado. Eu simplesmente não entendo”. Em outra ocasião, ainda como técnico do Arsenal sub-19, Henry disse que “nunca ouviu os torcedores do Arsenal tão irritados” quanto na derrota em casa para o Swansea em março de 2016. Wenger então respondeu: “Ele não tem a exata dimensão para medir o nível de raiva das pessoas, porque ele se senta nos melhores lugares no estádio”.

 

Henry x Chicharito

Reuters

Outro alvo da corneta de Henry foi o atacante mexicano Javier “Chicharito” Hernandez, na época em que ainda defendia o Real Madrid. Foi dele o gol da classificação contra o Atlético na Liga dos Campeões de 2015. Henry só não entendeu por que ele comemorou tanto: “Foi como se ele tivesse ganhado a Copa do Mundo. Era melhor celebrar com Cristiano Ronaldo, que criou a jogada”. O francês ainda criticou os gols perdidos pelo mexicano: “Ele teve pelo menos mais duas chances, uma com a esquerda e outra com a direita. Tem que agradecer ao Ronaldo por ter feito o gol”.

 

Piadinha com o Manchester United


Em 2016, quando o Leicester arrancou um empate contra o West Ham graças a um pênalti polêmico no fim do jogo, Henry não perdeu a oportunidade de zoar o antigo rival Manchester United, que tem a fama de ser beneficiado com pênaltis duvidosos. “Este foi daqueles que costumavam marcar a favor o United”, disparou Henry, antes de soltar uma gargalhada.

Sobre o blog

A equipe de jornalistas do UOL Esporte seleciona para você os fatos mais curiosos, os vídeos mais divertidos e tudo que viralizou nas redes sociais.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Blog de Esportes
Topo