PUBLICIDADE
Topo

Blog da Redação

Musas do Esporte: Sucesso meteórico e beleza impulsionam carreira de jovem esquiadora

UOL Esporte

20/02/2013 06h00

O brilho nos olhos claros e o sorriso viraram as marcas registradas da beleza de Mikaela Shiffrin. Aos 17 anos de idade, a esquiadora americana, que colecionou recordes por ser precoce na modalidade, comemorou pela primeira vez o título mundial neste ano e entrou de vez para a lista de personalidades do esporte.

Nascida no Colorado, Shiffrin competiu pela primeira vez aos 15 anos, idade mínima permitida pela modalidade. Sua trajetória começou com bons resultados nos Estados Unidos e com a medalha de bronze no Mundial Junior, disputado na Suíça.

Em março de 2011, Shiffrin fez sua estreia em etapas da Copa do Mundo na República Tcheca. Um mês depois, a esquiadora se tornou campeã nacional pouco tempo depois de completar 16 anos.

Ainda em 2011, com o bronze conquistado na Áustria, Shiffrin foi ao pódio pela primeira vez em etapas da Copa do Mundo. A primeira vitória veio em dezembro do ano passado, o que a fez a segunda americana mais jovem a triunfar na competição – a recordista é Judy Nigel, que estabeleceu a marca em 1969.

A trajetória precoce foi coroada neste ano, com a medalha de ouro na categoria slalom em seu primeiro Mundial. O título, conquistado diante de 30 mil pessoas, colocou Shiffrin de vez na lista dos grandes nomes do esporte.

O sucesso parece vir de família, já que os pais da esquiadora também fizeram carreira no esporte. Com as vitórias precoces, a americana começa a ser comparada à nadadora Missy Franklin, que também nasceu em 1995 e conquistou quatro medalhas de ouro e uma de bronze no ano passado, em Londres. Será que Shiffrin conseguirá repetir o cartel na Olimpíada de Inverno do ano que vem?

Matthias Schrader/AP

Sobre o blog

A equipe de jornalistas do UOL Esporte seleciona para você os fatos mais curiosos, os vídeos mais divertidos e tudo que viralizou nas redes sociais.

Blog da Redação