PUBLICIDADE
Topo

Blog da Redação

Quais são os técnicos há mais tempo no cargo no futebol brasileiro?

UOL Esporte

20/10/2016 06h00

Apenas um clube da Série A entrou na lista dos 10 times brasileiros que mantiveram o atual treinador por mais tempo. Veja a seguir a lista dos técnicos mais longevos que ainda estão sob contrato nas quatro divisões do futebol nacional.

1. Claudio Tencati (Londrina)ctAssumiu o clube em abril de 2011, quando o Londrina estava na segunda divisão do Paranaense. Desde então, Tencati conquistou um título estadual, comandou o time em dois acessos no Brasileirão e agora luta por uma vaga na elite em 2017. É o técnico mais longevo do Brasil na atualidade.

2. Rogério Zimmermann (Brasil de Pelotas)rzO segundo técnico brasileiro há mais tempo no cargo chegou em maio de 2012 e colocou ordem na casa: devolveu o clube à elite do futebol gaúcho e subiu da Série D para a Série B do Brasileirão.

3. Tarcisio Pugliese (Ituano)tpChegou ao clube paulista em julho de 2014 e ganhou a confiança do dirigente Juninho Paulista, que já anunciou a renovação de contrato do treinador por mais uma temporada, mesmo depois das eliminações na Copa Paulista e na Série D.

4. João Galvão (Águia de Marabá)

O folclórico treinador do time paraense já foi diretor de futebol e dirige o elenco de forma ininterrupta desde agosto de 2014, mas sua história como técnico do Águia começou bem antes, em 2008. Os torcedores do time até fazem piada, dizendo que João Galvão é o "único técnico concursado do Brasil".

5. Junior Rocha (Luverdense)Responsável pelo acesso do clube mato-grossense à Série B em 2013, o jovem treinador de apenas 35 anos começou sua segunda passagem pelo Luverdense em fevereiro de 2015.

6. Mazola Júnior (CRB)mjEm junho de 2015, o técnico de 51 anos foi contratado pelo CRB para o restante da segunda divisão, mas acabou ficando no clube e ganhou ainda mais confiança depois do título alagoano de 2016 e a boa campanha na Série B.

7. Dorival Júnior (Santos)O técnico que mais resiste no cargo entre os clubes da Série A chegou ao Santos em julho de 2015 e conquistou o Paulistão neste ano, além de manter o time no G-6 do Brasileirão.

8. Jorginho (Vasco)
Em agosto de 2015, assumiu o então lanterna do Brasileirão e brigou até a última rodada, mas não escapou do rebaixamento. Mesmo assim, foi mantido e conquistou o bicampeonato carioca de forma invicta. Só que a recente queda de rendimento do time fez seu nome passar a ser questionado pela torcida.

9. Antonio Carlos (Juventude)O ex-zagueiro foi contratado como técnico do Juventude em agosto de 2015. Desde então, foi vice-campeão gaúcho, eliminou o São Paulo da Copa do Brasil e conquistou o acesso à Série B, competição que o Juventude não disputava desde 2009.

10. Wagner Nascimento (Espírito Santo)wnContratado em agosto de 2015, o técnico levantou a taça da Copa Espírito Santo no mesmo ano e foi vice-campeão capixaba em 2016. Mesmo depois da eliminação na Série D, foi mantido no cargo e comanda o time em mais uma decisão da Copa ES.

Sobre o blog

A equipe de jornalistas do UOL Esporte seleciona para você os fatos mais curiosos, os vídeos mais divertidos e tudo que viralizou nas redes sociais.

Blog da Redação