Topo
Blog da Redação

Blog da Redação

Fabregas briga com Fernandinho e acaba ignorado por Guardiola; veja

UOL Esporte

2003-12-20T16:18:07

03/12/2016 18h07

fafaf

Cesc Fabregas venceu o clássico por 3 a 1 contra o Manchester City, mas não saiu muito bem nas imagens do jogo. Um dos protagonistas da vitória do Chelsea, o espanhol ficou marcado pelo tapa que deu em Fernandinho na confusão que culminou na expulsão do brasileiro e, na sequência, foi ignorado pelo técnico Pep Guardiola.

As imagens que colocam Fabregas como um "vilão" podem ser vistas abaixo. Na confusão que começou entre David Luiz e Aguero, Fernandinho tentou afastar Fabregas e levou um safanão. Irritado e em desvantagem no placar, o brasileiro se irritou, foi para cima e acabou sendo expulso sozinho, prejudicando sua equipe:

Guardiola não deixou barato. Conhecido por tomar as dores dos seus comandados, o técnico catalão deixou o gramado irritado e não perdoou Fabregas, que foi seu jogador nos tempos de Barcelona. Após o apito final, quando o meia do Chelsea foi cumprimentá-lo, Guardiola deixou o meia no vácuo:

Para Fabregas, os três pontos na bagagem devem compensar. A vitória por 3 a 1 sobre um rival direto, fora de casa, mantém o Chelsea na liderança do disputado Campeonato Inglês com 34 pontos, contra 31 do Arsenal e 30 do Liverpool – este último com um jogo a menos.

GUARDIOLA

Pep Guardiola pediu desculpas pela participação do Manchester City na briga no final da derrota por 3 a 1 para o Chelsea.

Enquanto Guardiola falou sobre seu arrependimento em relação à confusão que terminou com Sergio Agüero e Fernandinho expulsos nos acréscimos, o técnico rival Antonio Conte elogiou o caráter do seu time.

O Chelsea reverteu a desvantagem inicial para vencer a oitava partida seguida e abrir quatro pontos de vantagem na liderança, mas o fato de o City não ter aproveitado as oportunidades quando dominava a partida fez com que seus jogadores perdessem a cabeça no Etihad Stadium.

Agüero foi expulso por uma entrada com o joelho em David Luiz, motivando uma confusão generalizada perto da linha lateral.

"É uma pena que o jogo tenha terminado assim", disse Guardiola à BBC. "Eu não gosto disso e peço desculpas pelo que aconteceu."

"Eu não acho que a entrada de Agüero tenha sido intencional. Os dois jogadores entraram forte, foi só isso. E Fernandinho foi defender seus companheiros", acrescentou.

Fernandinho está suspenso por três partidas, e Agüero enfrenta uma possível suspensão de quatro jogos.

"Não vencemos porque perdemos muitas chances, não por causa das decisões do árbitro", disse o espanhol Guardiola, frustrado por ter visto seu time perder grandes oportunidades para selar a vitória, depois de abrir 1 x 0 por meio de um gol contra de Gary Cahill.

Sobre o blog

A equipe de jornalistas do UOL Esporte seleciona para você os fatos mais curiosos, os vídeos mais divertidos e tudo que viralizou nas redes sociais.