Topo
Blog da Redação

Blog da Redação

Neymar vê "exagero" em repercussão do Carnaval e minimiza críticas

UOL Esporte

2025-04-20T19:21:53

25/04/2019 21h53

Crédito: Leo Franco/AgNews

Neymar falou sobre o Carnaval deste ano, quando caiu na folia entre Rio de Janeiro e Salvador. Quase dois meses depois, o jogador acredita que a repercussão foi exagerada.

Leia também:

"Teve exagero (da repercussão). Eu estava machucado, mas podia andar já. Estava treinando havia dois meses. Mas houve exagero. Deixa a galera falar. Não posso ter controle da boca de todo mundo. Para ser sincero, o que mais me machuca é ver ex-jogador falando dessas coisas. Ou jogador que está jogando. Eles jogaram, eles fizeram até pior do que eu fiz ou faço. Acho que a única coisa que me incomodou. Os que entendem pouco do nosso dia a dia, do atleta, acho que é normal haver esse exagero quando fala", disse em entrevista ao Fox Sports.

O jogador só conseguiu aproveitar o Carnaval porque chegou ao Brasil para dar continuidade ao tratamento da fratura no quinto metatarso do pé direito.

Neymar foi o centro das atenções em Salvador ao ser flagrado aos beijos com a cantora Rafaela Porto, ex-integrante do programa "The Voice". Depois, ele deu as caras na Marquês de Sapucaí, no Rio de Janeiro, no segundo dia de desfile. O jogador trocou beijos com a cantora Anitta e chegou a reencontrar a ex-namorada, a atriz Bruna Marquezine.

Na entrevista exibida hoje, Neymar também falou que não liga mais para as críticas que recebe. "Já incomodou mais. Para ser sincero, já incomodou muito. Hoje em dia já não ligo mais. Não ligo porque já não aguento mais explicar, falar ou deixar a pessoa me conhecer para saber quem eu sou. Quem me conhece sabe do meu caráter, da minha essência, do meu jeito. É o que importa. Quem me conhece tem noção de tudo que eu já enfrentei, de quem eu sou. Quanto a isso, estou bem tranquilo", explicou.

"Se você gosta do A, o B xinga. Se gosta do B, o A te xinga. Muitas pessoas estão brigando por isso, por poder se expresar, falar, ter voz. A partir do momento que você se expressa, coloca sua voz, você é criticado. É difícil saber se a gente está brigando pela coisa certa. É o que eu falei: chega um momento em que eu não ligo mais. Ligava (antes), porque queria falar 'você está falando totalmente errado', queria me explicar. Hoje em dia, já lavei minhas mãos", acrescentou.

Neymar acredita que seu estilo de jogo dentro de campo é um dos motivos das críticas. "Pode ser a forma como eu jogo, como os adversários jogam, ficam bravos, aí as pessoas começam a dar mais razão a quem bate do que a quem dribla, a quem faz falta do que quem faz gols."

Sobre o blog

A equipe de jornalistas do UOL Esporte seleciona para você os fatos mais curiosos, os vídeos mais divertidos e tudo que viralizou nas redes sociais.