PUBLICIDADE
Topo

Blog da Redação

Ela tem duas medalhas olímpicas e combate bullying com crianças obesas

UOL Esporte

22/08/2014 06h00

Ela já esteve em três Olimpíadas e ganhou medalhas em duas, é uma das maiores atletas do México nos últimos anos e decidiu entrar em outra disputa: a luta contra a obesidade infantil e contra o bullying com crianças. Enquanto se prepara para os Jogos do Rio, em 2016, Paola Espinosa também investe tempo e dinheiro nas crianças de seu país.

Paola é referência nos saltos ornamentais. E embora ainda esteja competindo, não quis esperar para desenvolver seu projeto social. A fundação que ela criou com dinheiro próprio aposta no esporte como solução para o desenvolvimento das crianças carentes. E o aspecto psicológico é fundamental, segundo ela.

"Vamos combater e prevenir a obesidade e o bullying por meio de atividades físicas. Assim daremos ferramentas para que eles criem hábitos saudáveis, tenham autoestima e gostem do esporte", disse Paola, que nesse mês firmou mais uma parceria com sua fundação, no interior do México.

Paola afirma que já ajudou mais de duas mil crianças. "As qualidades que eles aprendem vão se desenvolvendo por meio do esporte, como respeito, trabalho em equipe, como resolver conflitos. Assim eles aprendem a acreditar mais neles mesmos e tornam mais capazes", defende.

A mexicana é um dos grandes exemplos esportivos do país. Disputou todas as Olimpíadas desde 2004, ganhando um bronze em 2008 e uma prata em 2012, ambas as medalhas na plataforma de 10 metros, mesmo categoria em que levou um ouro no Mundial de 2009, em Roma.

Paola, agora, está retomando sua condição física para estar bem no ano que vem, quando brigará por uma vaga nos Jogos do Rio, em 2016. Até lá, as crianças mexicanas continuam ganhando.

Sobre o blog

A equipe de jornalistas do UOL Esporte seleciona para você os fatos mais curiosos, os vídeos mais divertidos e tudo que viralizou nas redes sociais.

Blog da Redação